Rua São Paulo - Centro - CEP 84350-000 - Ortigueira - PR | 42-32771388

segurança

Polícia Civil abre registro de violência doméstica pela internet

Sexta-feira, 05 de junho de 2020

Última Modificação: 05/06/2020 15:50:50 | Visualizada 553 vezes

A possibilidade do registro remoto não exclui a possibilidade de registro nas delegacias físicas


Ouvir matéria

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) lança a possibilidade de registro pela internet de Boletins de Ocorrência (BO) referentes a crimes de violência doméstica e familiar contra a mulher (Lei Maria da Penha) e estelionato. O serviço está em funcionamento desde segunda-feira (1º).

As vítimas dos casos ocorridos no Paraná podem registrar seu boletim no Portal de PCPR em www.policiacivil.pr.gov.br/BO. A possibilidade do registro remoto não exclui a possibilidade de registro nas delegacias físicas.

As mulheres, maiores de 18 anos, agora podem registrar BO no site da PCPR, em casos lesão corporal (violência doméstica), ameaça, injúria, calúnia, difamação e contravenção de vias de fato cometidos contra mulher, nos termos da Lei Maria da Penha  (ambiente doméstico e familiar).

Presencial 

Os crimes mais graves praticados contra a mulher, como os de natureza sexual e tentativa de feminicídio continuam a ser registrados exclusivamente de forma presencial. Mulheres que queiram requerer Medidas Protetivas devem solicitar presencialmente em uma Delegacia da PCPR, devido à gravidade e urgência desses casos. Para casos de emergência, as vítimas continuam a ter a orientação de ligar para (42) 3277-1192 ou (42) 98825-6644  da Polícia Militar de Ortigueira.

Registros virtuais

A PCPR oferece aos cidadãos a possibilidade de registrar Boletins de Ocorrência pela internet, nos seguintes casos:

•     Furto
•     Estelionato
•     Extravio ou Perda de documentos e objetos
•     Extravio de Placa de Veículo
•     Desaparecimento de Pessoas
•     Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (Lei Maria da Penha)

Como utilizar

As vítimas devem acessar o Portal da PCPR no endereço policiacivil.pr.gov.br/BO. Na página há orientações sobre cada tipo de ocorrência que pode ser registrada.

O registro pode ser feito por qualquer computador com acesso à internet. Também é possível utilizar celular ou tablet, mas em alguns modelos a visualização pode ficar um pouco difícil.

As vítimas precisam ter um e-mail válido e os documentos em mãos para fazer o registro.

Orientações

As pessoas que registram BO por meio da internet devem estar atentas aos e-mails que serão enviados pela PCPR.

Ao iniciar o registro é necessário incluir um e-mail válido para receber um código verificador formado por números e letras. Com esse código o cidadão poderá continuar o procedimento.

Após o registro ser feito, a vítima receberá um segundo e-mail informando que a solicitação foi concluída. O BO registrado será avaliado por investigadores e delegados, que irão validá-los ou não.

Um terceiro e-mail será enviado ao noticiante informando se o BO foi validado. Se acaso houver informações que precisam ser confirmadas, o e-mail informará o link para que sejam corrigidas.

Com a validação concluída, a vítima poderá imprimir o Boletim de Ocorrência.

Fonte: Comunicação Social da Prefeitura de Ortigueira e Agência Estadual de Notícias

 Galeria de Fotos

 Veja Também