Rua São Paulo - Centro - CEP 84350-000 - Ortigueira - PR | 42-32771388

Ind?stria e Com?rcio

Klabin recebe a visita de empres?rios de Ortigueira

Quinta-feira, 01 de maio de 2014

Última Modificação: // | Visualizada 2851 vezes

Grupo pode conhecer melhor as oportunidades de desenvolvimento que o Projeto Puma trará para região


Ouvir matéria

Comerciantes, empresários e o secretário de Indústria, Comércio e Turismo de Ortigueira, Daniel Fartura, estiveram na Unidade Monte Alegre da Klabin, em Telêmaco Borba, e no local onde a empresa está construindo o Projeto Puma, em Ortigueira. A visita foi realizada na última terça-feira (29/04) e os presentes tiveram a oportunidade de conhecer o viveiro de mudas, a área de pesquisa florestal e puderam presenciar a colheita mecanizada da floresta plantada. O grupo foi acompanhado por gestores da Klabin.

Na Unidade Monte Alegre, considerada uma das maiores do mundo, os visitantes puderam conhecer o processo produtivo, desde o preparo de madeira até a máquina de papel 9. À tarde, eles conheceram o canteiro de obras do Projeto Puma, na localidade de Campina dos Pupos, município de Ortigueira.

“A visita foi muito importante para o grupo, que pode entender como funciona uma grande indústria e como será a nova fábrica. Muitos deles nunca haviam tido a chance de entrar em uma empresa deste porte. Acredito que, por meio destes visitantes, os ortigueirenses poderão saber mais sobre as oportunidades do Projeto Puma na região”, destacou Daniel Fartura.

Projeto Puma

O Projeto Puma terá capacidade para produzir, inicialmente, 1,5 milhão de toneladas de celulose de fibra curta, longa e fluff (utilizada em fraldas descartáveis e absorventes) por ano. O empreendimento é o maior da iniciativa privada da história do Paraná, com investimento total de R$ 5,8 bilhões, excluindo impostos, ativos florestais e melhorias em infraestrutura. A previsão é que a fábrica entre em operação no primeiro trimestre de 2016.

O novo empreendimento irá gerar R$ 500 milhões de impostos na fase de investimentos e R$ 300 milhões ao ano quando a fábrica estiver em operação. Ortigueira e outros 11 municípios da região serão beneficiados com o ICMS incremental gerado pela futura fábrica da Klabin. O município ficará com 50% desse imposto. Os 50% restantes serão divididos proporcionalmente entre Cândido de Abreu, Congonhinhas, Curiúva, Imbaú, Reserva, Rio Branco do Ivaí, São Jerônimo da Serra, Sapopema Telêmaco Borba, Tibagi e Ventania. A divisão será baseada em critérios como a população e o índice de desenvolvimento social de cada município.

Atualmente a obra está em fase de terraplanagem e 87% dos trabalhadores são do Estado do Paraná.

Fonte: Assessoria Projeto Puma

Empresário Ortigueirenses visitam Projeto Puma Crédito: Klabin
Legenda: Empresário Ortigueirenses visitam Projeto Puma

 Galeria de Fotos

 Veja Também