Rua São Paulo - Centro - CEP 84350-000 - Ortigueira - PR | 42-32771388

Apicultura

Cidade Empreendedora retoma atividades em Ortigueira e define ações pelo desenvolvimento da cidade

Quinta-feira, 26 de abril de 2012

Última Modificação: // | Visualizada 3518 vezes

FORTALECIMENTO DA ECONOMIA


Ouvir matéria

O antigo Programa de Desenvolvimento da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, agora sob o nome de Cidade Empreendedora, retomou suas atividades em Ortigueira. O programa tem por objetivo promover o desenvolvimento da cidade, fortalecendo a economia local, e conta com o apoio do SEBRAE.

O programa se baseia em dados e estatísticas locais, o que inclui também o grande número de produtores rurais e apicultores do município.

Na última reunião (24/04), participaram comerciantes, empresários e representantes das instituições: Banco do Brasil, Sicredi, Itaú, Sebrae-PR, Sindicato Patronal, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Emater, Copel, Associação Comercial e Industrial de Ortigueira -ACIO e Prefeitura Municipal. O prefeito Geraldo Magela também esteve presente, acreditando na articulação do grupo pelo desenvolvimento da cidade.

Entre os pontos abordados estão ações voltadas para os empreendedores individuais formalizados (comerciantes, doceiras, pedreiros, pintores, etc), profissionalização e cursos com o apoio do SEBRAE, fortalecimento dos negócios locais, cronogramas de ação e calendários de eventos para o comércio local, campanhas de orientação do uso de crédito para empreendedores e micro e pequenas empresas, inclusão das micro e pequenas empresas nas licitações da prefeitura, educação empreendedora nas escolas municipais, entre outras.

A próxima reunião do Cidade Empreendedora Ortigueira acontece no dia 8 de maio. (Se você é de alguma instituição, empresa ou tem interesse em participar do grupo ou se informar mais sobre o programa, entre em contato pelo 3277-1611 ou 3277-1388 - falar no SEBRAE).

Vinda de Novos Empreendimentos para Ortigueira

Segundo o prefeito, Geraldo Magela, há uma grande chance de que a Klabin se instale no município. Para ele, o programa Cidade Empreendedora deve abrir o horizonte do desenvolvimento local e ajudar a fortalecer as estruturas do município.

\"O empresariado, os comerciantes e as associações precisam estar unidos entre si e com as demais entidades, e isso leva ao desenvolvimento. Se uma empresa com a dimensão da Klabin se instalar aqui, é preciso que todos estejam preparados e unidos, buscando seus objetivos. Se essa articulação não ocorrer, investimentos de fora vão chegar e se estruturar. Capacitar nossa população também é fundamental, tendo em vista novos empregos que serão gerados\", disse o prefeito.

Empreendedores Individuais

A figura do Empreendedor Individual aparece em 2006, com a Lei Complementar 123, um estímulo ao pequeno negócio previsto na Constituição Federal. Essa modalidade de empresa inclui negócios ou serviços de várias naturezas, que a partir da lei, tiveram a chance de se formalizar por um custo baixo (média de R$35,00), com contribuições para o INSS, ISS e ICMS.

Em Ortigueira, a Lei Geral foi implementada e está prestes a ser totalmente regulamentada. Até 2009, o município não contava com a figura dos Empreendedores Individuais, hoje são mais de 300.

\"Precisamos descobrir onde estão esses empreendedores individuais, capacitá-los e ajudá-los a divulgar seus negócios ou serviços. Uma orientação de crédito também é importante para os comerciantes, porque há facilidades para conseguir um empréstimo, mas muitas vezes esse crédito não é aplicado no negócio ou é aplicado de forma errada. Esse é um dos esforços do comitê gestor que estamos retomando aqui, além de outras ações\", disse o consultor Fabricio Bianchi, do SEBRAE.





Fonte: Fernanda

 Galeria de Fotos

 Veja Também