Rua São Paulo - Centro - CEP 84350-000 - Ortigueira - PR | 42-32771388 42-99122-5102

Educa??o

Contrata??o de professores vai garantir in?cio das aulas sem incidentes

Sexta-feira, 06 de janeiro de 2012

Última Modificação: // | Visualizada 2324 vezes

NO ESTADO


Ouvir matéria

A Secretaria de Estado da Educação se antecipou aos problemas que costumavam acontecer no início de cada ano letivo e deixavam alunos sem aulas. Perto de 11,5 mil professores e pedagogos estão em fase final de admissão no quadro da Secretaria, para que as aulas na rede estadual comecem sem incidentes. Esses profissionais foram classificados no concurso de 2007, que foi prorrogado e expirou ano passado.

Os novos professores e pedagogos estaduais serão nomeados por decreto, que deve ser publicado na segunda quinzena de janeiro, e no dia 1.º do próximo mês começam a trabalhar nas escolas. \"Estamos trabalhando para começar as aulas com 100% dos profissionais. Podem acontecer problemas pontuais que serão resolvidos para garantir o cumprimento tranquilo do ano letivo\", afirmou Arnaldo Moreira de Matos, chefe do Grupo de Recursos Humanos da Secretaria da Educação.

TEMPORÁRIOS - No fim do ano passado, foram abertas inscrições para contratação de professores, pedagogos e funcionários pelo processo seletivo simplificado (PSS). As aulas também forma distribuídas em dezembro. A seleção antecipada, realizada pela primeira vez pela Secretaria, evita tumulto no começo do ano letivo. \"É um novo tempo na área da educação no Paraná e o resultado desse trabalho será sentido no começo desse ano letivo, quando todos os nossos alunos começarão as aulas em situação de normalidade\", afirmou Arnaldo.

No ano passado, a secretaria nomeou cerca de 4,2 mil agentes educacionais de apoio para as escolas estaduais. Os funcionários contratados são responsáveis pelos serviços gerais das escolas e do preparo da merenda para os alunos da rede estadual de ensino.

DIREÇÃO - A Secretaria orientou os novos diretores quanto às ações necessárias em relação ao quadro de profissionais da escola. \"Os diretores devem estar atentos para as demandas da escola e informar a Secretaria o quanto antes para que não faltem profissionais na escola\", explicou.

No quadro próprio, a Secretaria mantém cerca de 70 mil profissionais de ensino e atendeu, no ano passado, 1,3 milhão de alunos do ensino médio, em todo o Estado.

Fonte: Agência Estado Agência Estado

 Veja Também