Rua São Paulo - Centro - CEP 84350-000 - Ortigueira - PR | 42-32771388

Apicultura

Semin?rio promove integra??o entre apicultores e firma termo de compromisso

Sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Última Modificação: // | Visualizada 2505 vezes

APICULTURA E DESENVOLVIMENTO


Ouvir matéria

O III Seminário de Apicultura de Ortigueira e Região reuniu hoje (26/08) cerca de 150 pessoas, entre produtores, autoridades e membros dos articuladores do programa Apis no município - Emater, Apomel, Consórcio Energético Cruzeiro do Sul, Sebrae e Governo Municipal.

Além de incentivar a integração entre os produtores, o evento discutiu importantes ações futuras e resultados promissores para a região. Foram realizadas palestras, divulgação de análises e resultados obtidos pelo programa em 2010/2011, apresentação da rede Apícola e uma dinâmica de grupo.

O secretário de agricultura, Geraldo Magela Fraga do Nascimento, elogiou o esforço dos apicultores e como o trabalho de todos tem levado o nome do município ao reconhecimento nacional. \"Nós temos a visão de órgão público fomentador, mas são os produtores que garantem o sucesso do trabalho, eles que fazem acontecer. Somos um dos maiores produtores de mel do Brasil e foram vocês que construíram essa riqueza e essa identidade do município com a apicultura\", disse aos produtores.

NOVAS UNIDADES DE MEL
A coordenadora da Apomel - Associação dos Produtores Ortigueirense de Mel, Ana Mozuski Kutz, apresentou aos produtores o projeto da Unidade de Beneficiamento de Mel que será construída em Ortigueira, junto a mais três Unidades de Extração no interior ( Caetê, Lageado Bonito e Basílio).

\"Nós esperamos a ajuda de todos os apicultores e estamos com tudo encaminhado para que dê certo. As três unidades poderão exportar para a União Europeia e os apicultores vão usufruir disso. Essa é uma conquista muito grande, graças às parcerias e à certeza da qualidade do nosso mel, que foi validada pelos estudos\", explicou Ana.

MEL DE QUALIDADE  E VALORIZAÇÃO
O consultor do Sebrae e articulador do Programa Apis em Ortigueira, Fabricio Pires Bianchi, elogiou o trabalho realizado no município. \"Já ouvi dizerem que Ortigueira é um gigante adormecido. A cidade tem um potencial louvável para o crescimento, se tornou uma referência no estado. O que está se desenvolvendo aqui é um desafio, mas que hoje só alcança resultados graças a união dos apicultores por um objetivo comum\".

Bianchi também destacou as características do mel produzido na região. \"É um mel diferenciado, que apresenta variação no sabor, é mais claro, apresenta vários tipos e justamente por isso chama a atenção. Podemos compará-lo a vinhos, que se encontram em vários tipos, porque são diferenças notáveis. O tipo de florada daqui não existe em outros locais, por isso queremos valorizar esse mel, que pode  até ser vendido a preços acima da média\".

Gisele Urbano, da UTFPR, é uma das responsáveis pela análise do mel e apresentou os resultados. \"Nós comprovamos que não há contaminação expressiva em nenhuma amostra, o que faz do produto diferenciado e nos permite classificá-lo como excelente, principalmente se somarmos às outras características que já possui\".

ARTICULAÇÃO POLÍTICA
Segundo Bianchi, o programa Apis tem como uma de suas metas estabelecer, junto ao governo municipal e demais parceiros, uma política pública para a apicultura. \"Queremos preservar e valorizar o meio ambiente em termos de mata, floradas, florestas, que são comprovadamente o que garante a qualidade do mel. A apomel é o principal público alvo, por isso construir um ambiente favorável e contínuo que atenda ao setor não só hoje, mas no futuro\".

Durante o Seminário também foi firmado um termo de compromisso do programa Apis 2011, que agora conta com o apoio do Consórcio Energético Cruzeiro do Sul, da Usina Hidrelétrica Mauá.

Fonte: Fernanda Rodrigues

Evento tratou do desenvolvimento do programa APIS em Ortigueira Crédito: Assessoria de Imprensa
Legenda: Evento tratou do desenvolvimento do programa APIS em Ortigueira

 Galeria de Fotos

 Veja Também