Processos Licitatórios

Certidão Negativa

Tributos Online

PSS

Concurso Público

Legislação Municipal

Nota Fiscal Eletrônica

Portal da Transparência

Diário Oficial Online

Ouvidoria Municipal

Livro Eletrônico

Informações COVID-19

ÚLTIMAS NOTÍCIAS / SAÚDE

Ortigueira vai espalhar mosquitos estéreis para combater a dengue

Sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Visualizada 214 vezes

Número de casos da doença aumentou 76% entre 2020 e 2019


Eliminar o Aedes aegypti sem causar danos à natureza e aos moradores: esse é o objetivo principal de um projeto sustentável que já está em andamento para combater a dengue em Ortigueira. 

A proposta do projeto da Prefeitura Municipal de Ortigueira e da Klabin, em parceria com a Forrest Brasil Tecnologia e apoio da Secretaria Estadual de Saúde, é soltar semanalmente mosquitos Aedes aegypti estéreis na zona urbana e na zona rural do município. As solturas começaram na semana passada e seguirão até o final deste mês. Ao todo 3,6 milhões de mosquitos estéreis serão liberados no município.

Os machos do Aedes aegypti não picam, não transmitem doença e não se alimentam de sangue, portanto não oferecem riscos às pessoas. Ao serem liberados, sem prejuízos ao meio ambiente, eles procurarão as fêmeas para se reproduzir. Os ovos que surgirem, porém, não terão novos mosquitos, evitando o nascimento do Aedes aegypti que poderá transmitir doenças como dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela.

Ortigueira foi escolhida em razão dos números de casos de dengue registrados nos últimos anos. Em 2020, o município contabilizou 120 confirmações da doença, o que representa um aumento de 76% em relação aos 29 casos de 2019.

De acordo com boletim da Vigilância Epidemiológica do município divulgado nesta sexta-feira (20), atualmente há apenas três notificações, todas negativas, de casos de dengue.

Cerca de 50 servidores da Secretaria Municipal de Saúde, que atuam como Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias, estarão à disposição para atuar no desenvolvimento do projeto.

“A intenção com essa nova técnica é termos uma ação ainda mais forte no combate à proliferação dos mosquitos, com todo o respeito ao meio ambiente e cuidado em relação à saúde da comunidade”, afirma o secretário municipal de Saúde, Francisco Leônidas Carneiro Jr.

Combate firme

A soltura dos mosquitos estéreis foi aplicada como projeto piloto em Jacarezinho (PR), nos bairros Aeroporto, Novo Aeroporto e Vila Leão, e teve redução de mais de 90% na população de Aedes aegypti na área tratada. A aplicação ocorreu entre setembro de 2018 e abril de 2019. No momento, a Secretaria Estadual de Saúde do Paraná avalia o resultado para desenvolver o projeto em mais cidades do Estado.

Disque dúvidas

Um número telefônico foi disponibilizado pela Forrest para tirar dúvidas sobre o projeto e receber sugestões: (42) 98889-9093.

Acompanhe o trabalho da Prefeitura em: 
https://www.facebook.com/PrefOrtigueira
 

Fonte: Comunicação Social da Prefeitura de Ortigueira

Aedes aegypti, que será combatido com mosquitos inférteis em Ortigueira Crédito: Comunicação Social da Prefeitura de Ortigueira
Legenda: Aedes aegypti, que será combatido com mosquitos inférteis em Ortigueira

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda a sexta: 8h às 12h e 13h30 às 17h30